Arquivo de notícias

Por ocasião da 38ª Jornada Mundial da Juventude, que este ano ocorre em Portugal, a Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia disponibilizou uma nova versão do site em português do Brasil, que é administrado pelas irmãs do convento no Rio de Janeiro. O site contém estudos originais sobre o mistério da divina misericórdia, Maria Mãe da Misericórdia, Santa Faustina, sua vida, missão e espiritualidade, Santuários da Divina Misericórdia na Polônia e no mundo, além de relatar a vida e atividades da Congregação na qual viveu e faleceu a Apóstola da Divina Misericórdia. No  site,  existem a  transmissão online do Santuário da Divina Misericórdia em Cracóvia (bairro Łagiewniki), o Terço da Divina Misericórdia pelos agonizantes e o Terço Perpétuo da Divina Misericórdia, bem como arquivos  para download da milagrosa imagem de Jesus Misericordioso, fotos e imagens de Santa Faustina, além da possibilidade de escolher um santo Patrono para o respectivo ano.

Esta é a nona versão linguística deste site, após as versões em polonês, inglês, espanhol, francês, italiano, alemão, russo e eslovaco, que foram criadas graças ao serviço apostólico da equipe de tradutores e consultores linguísticos sob a direção de Robert Jankowski, técnicos de informática  e das irmãs da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia.

Em 25 de agosto  deste ano,  celebraremos  o 118º aniversário do nascimento de Helena Kowalska, conhecida em todo o mundo como Santa Faustina, a Apóstola da Divina Misericórdia. Ela  foi a terceira filha do casal  Marianna e Stanisław Kowalski na vila de Głogowiec. No registro de seu batismo, foi  relatado que ela veio ao mundo às oito da manhã,  de uma sexta-feira. A mãe de Irmã Faustina, Marianna (de solteira Babel), lembrou que ela consagrou seu útero, pois os partos anteriores quase lhe custaram a vida, e os filhos subsequentes nasceram sem problemas. Ela costumava dizer sobre Helena: “Criança abençoada, filha mais amada”. Enquanto isso Irmã Faustina, incessantemente agradecia a Deus por seus pais, pessoas piedosas, justas e trabalhadoras, que criaram seus filhos no espírito da fé e do amor a Deus e ao próximo. Hoje, a casa de nascimento da Apóstola da Divina Misericórdia faz parte do Santuário de seu nascimento e batismo, e é cuidada pelas irmãs da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia do convento em Świnice Warckie. Peregrinos vêm ao local de seu nascimento não apenas da Polônia, mas também de outros países, seguindo o caminho de sua vida.

Na véspera da festa, em 24 de agosto, após a Missa  das 18h, no Santuário do Nascimento e Batismo de Santa Faustina, uma procissão com o Santíssimo Sacramento partirá para a casa familiar da Apóstola da Divina Misericórdia, onde haverá adoração noturna e vigília de oração.

No dia 25 de agosto deste ano, comemora-se o 28º aniversário do reconhecimento de Santa Faustina como co-fundadora espiritual da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia. Isso ocorreu no 90º aniversário de seu nascimento, durante uma reunião das irmãs, no Santuário da Divina Misericórdia, em Cracóvia, sob a liderança da então Madre Geral, Paulina Słomka. Após uma avaliação prévia por teólogos e pastores da Igreja, ao final de uma vigília noturna diante da imagem de Jesus Misericordioso e  do túmulo de Santa Faustina, a Madre Geral proferiu as palavras do ato, no qual ela confessou, entre outras coisas: Santa Faustina (…), você não é apenas a renovadora da espiritualidade e carisma de nossa Congregação, mas também sua co-fundadora espiritual. O que Deus realizou em sua vida, complementando a obra iniciada por Madre Teresa Potocka e Madre Teresa Rondeau, e o que nos permitiu compreender – nós reconhecemos com alegria, agradecendo à misericórdia de Deus pelas grandes coisas que ocorreram em você e por seu intermédio em nossa Congregação.

De fato, Irmã Faustina recebeu o carisma de proclamar ao mundo a mensagem da Misericórdia por meio de atos, palavras e orações, ou seja, cultivando esse valor essencial do Evangelho que é a misericórdia divina e humana. Dessa forma, ela não apenas enriqueceu a herança carismática da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia, fundada por Madre Teresa Potocka, dos príncipes Sułkowski, para resgatar mulheres moralmente decaídas, mas também a Igreja, ao dar origem ao Movimento Apostólico da Divina Misericórdia (essa ‘nova congregação’ desejada por Jesus) e contribuindo para sua história ao introduzir uma nova escola de espiritualidade baseada inteiramente no mistério da divina misericórdia.

Os primeiros herdeiros do legado de Santa Faustina são as Irmãs da Congregação a que ela pertencia, por isso, durante sua peregrinação à Cracóvia em 1997, São João Paulo II afirmou: Queridas Irmãs! Repousa sobre vocês um chamado extraordinário. Ao escolher a abençoada Faustina entre vocês, Cristo fez sua Congregação guardiã deste lugar e, ao mesmo tempo, a chamou a um apostolado especial de Sua misericórdia. Peço-lhes, assumam esta obra. O homem de hoje precisa da proclamação de sua misericórdia; ele precisa de suas obras de misericórdia e precisa de suas orações pela misericórdia. Não negligenciem nenhum desses aspectos do apostolado. O texto completo do ato de reconhecimento de Santa Faustina como co-fundadora espiritual da Congregação é renovado em todas as comunidades da Congregação todos os anos, em 5 de outubro, o dia de sua festa litúrgica.

Em 22 de agosto deste ano, partirá de Varsóvia, da paróquia de São José em Wola, juntamente com a paróquia da Divina Misericórdia em Grójec, a XX peregrinação de bicicleta até a casa familiar de Santa Faustina em Głogowiec. No caminho, os peregrinos visitarão seis santuários marianos (Rokitno, Niepokalanów, Szymanów, Miedniewice, Domaniewice, Mąkolice). Os peregrinos chegarão a Głogowiec no dia 24 de agosto. Em 25 de agosto, por volta das 8h, será celebrada uma Missa campal, após a qual os peregrinos visitarão a igreja paroquial em Świnice Warckie, que atualmente é o Santuário do Nascimento e Batismo de Santa Faustina. Visitarão também o cemitério próximo, para rezar junto aos túmulos dos pais e dos irmãos da Apóstola da Divina Misericórdia.

Em 22 de agosto deste ano, no Santuário Nacional de São João Paulo II, em Washington, EUA, ocorrerá a tradicional “Noite com Jesus Misericordioso”. As irmãs da comunidade da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia de Washington conduzirão o evento. Neste mês, a convidada especial será Katarzyna Ruth Pakaluk, uma renomada escritora e destacada especialista em questões culturais, de gênero, ciências sociais, vocação feminina e obra de Edith Stein. Ela reside em Maryland com seu marido e oito filhos. As pessoas também podem participar das reuniões através da transmissão no seguinte endereço: www.jp2shrine.org/youtube. Após a conferência e a adoração do Santíssimo, haverá um encontro dos participantes onde também serão servidos refrescos e aperitivos.

“As Noites com Jesus Misericordioso” são organizadas para jovens que desejam seguir Santa Faustina e São João Paulo II para descobrir a nova qualidade de vida em amizade com o Senhor Jesus Misericordioso.

Em 19 de agosto deste ano, os devotos da Divina Misericórdia se reunirão no Santuário da Divina Misericórdia em Cracóvia para a X Peregrinação Nacional, organizada em comemoração ao aniversário da consagração da basílica da Divina Misericórdia e da entrega do mundo à Divina Misericórdia pelo Papa São João Paulo II. Às 12hs, Arcebispo Marek Jędraszewski, Metropolita de Cracóvia, presidirá a Eucaristia. Durante essa Santa Missa, o Sino da Esperança para o Santuário Nacional Polonês em Kahlenberg será abençoado em comemoração ao 340º aniversário do socorro de Viena e ao 40º aniversário da peregrinação de São João Paulo II a Kahlenberg. Ao final da Missa, ocorrerá a consagração do mundo à Divina Misericórdia e a entrega das medalhas “Beati misericordes”.

Às 16h30, na basílica, haverá um concerto intitulado “Confido”, realizado pelo Coro Musica Ex Anima e a Orquestra Sinfônica do Santuário da Divina Misericórdia. No programa da peregrinação, haverá apresentação das obras de misericórdia em tendas no pátio em frente à basílica, e às 19hs será exibido o filme “Irmã Faustina”, produzido pela televisão brasileira Canção Nova. Para mais informações e o programa detalhado, visite o site do reitorado do Santuário: www.misericordia.eu.

Em 17 de agosto deste ano, celebramos o 21º aniversário da consagração do mundo à Divina Misericórdia, realizada pelo Santo Padre João Paulo II durante sua última peregrinação à Polônia no Santuário da Divina Misericórdia em Cracóvia. Após a consagração da basílica, ele proferiu palavras em que entregou ao Deus, Pai rico em misericórdia, os destinos do mundo e de cada pessoa. Essas palavras se tornaram uma oração diária não apenas para os peregrinos que vêm ao Santuário de Cracóvia, mas também para milhões de pessoas ao redor do mundo.

“Deus, Pai Misericordioso,
que revelaste teu amor em Teu Filho, Jesus Cristo,
e o derramaste sobre nós pelo Espírito Santo, o Consolador,
hoje confiamos a Ti os destinos do mundo e de cada pessoa.
Inclina-te sobre nós, pecadores,
cura nossa fraqueza,
supera todo mal,
permita que todos os habitantes da terra experimentem a Tua misericórdia,
para que em Ti, Deus Trino,
sempre encontrem a fonte da esperança.
Deus, Pai Misericordioso,
pela dolorosa paixão e ressurreição de Teu Filho,
tem misericórdia de nós e do mundo inteiro.”

Na Jornada Mundial da Juventude em Lisboa, as irmãs da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia de várias casas da Polônia e do Cazaquistão participarão juntamente com jovens. Este próximo encontro com os jovens de todo o mundo será uma excelente oportunidade para compartilhar o legado espiritual de Santa Faustina. Ela foi a padroeira  desses encontros de jovens na Austrália em 2008 e em Cracóvia em 2016.

A Jornada Mundial da Juventude em Portugal será realizada de 1 a 6 de agosto, com o tema: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39). O Papa Francisco chegará a Lisboa em 2 de agosto e permanecerá em Portugal até o último dia desse evento.

Em 5 de agosto, em comemoração à memória litúrgica de Nossa Senhora das Neves, a Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia celebra sua festa patronal, prestando homenagem à sua Padroeira, a Mãe da Misericórdia Encarnada. Neste dia, tradicionalmente, é renovado o ato de eleição de Maria como superiora geral celestial da Congregação, que foi realizado pela primeira vez pelas irmãs em 1937. Santa Faustina escreveu em seu Diário: Durante esse ato que se realizou em honra da Mãe de Deus vi, no seu final, a Virgem Santíssima, que me disse: Oh, como me é agradável a homenagem do vosso amor. — E nesse momento cobriu com o seu manto todas as irmãs da congregação. Com o braço direito abraçou a madre geral Michaela, e a mim com o braço esquerdo, e todas as irmãs estavam a Seus pés, cobertas com o Seu manto. Então, a Mãe Santíssima disse: Cada uma que perseverar zelosa até a morte na minha congregação, ficará livre do fogo do purgatório (Diário, 1244).

Neste dia também se comemora o aniversário da consagração da Basílica de Santa Maria Maggiore, a mais antiga igreja do Ocidente dedicada à Santíssima Virgem Maria. O Papa Sisto III, para celebrar o fim do tumultuado Concílio de Éfeso (431), que proclamou o dogma da Maternidade Divina de Maria (Teotokos), instituiu a festa da Mãe do Filho de Deus, que foi primeiro celebrada na própria basílica e, com o tempo, outros papas a estenderam a toda a Igreja. Hoje, no calendário litúrgico da Igreja, está inscrita a memória de Nossa Senhora das Neves, que lembra o milagre relacionado à fundação da basílica, e este nome está na mente dos fiéis. Portanto, a primeira ocasião de celebrar esta festa de Maria como Mãe do Filho de Deus – Misericórdia Encarnada – foi esquecida. Mais informações sobre Maria, Mãe da Misericórdia, seu título, culto e iconografia na Igreja e na Congregação no link: Nossa Senhora da Misericórdia.

“Eu te consagro à Jesus Cristo” – estas serão as palavras que três irmãs da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora Mãe da Misericórdia (da Polônia e da Eslováquia) ouvirão do Dom Jan Zając, que presidirá a Eucaristia e as cerimônias dos votos perpétuos na capela com a imagem de Jesus Misericordioso e o túmulo de Santa Faustina, no Santuário da Divina Misericórdia em Cracóvia, em 2 de agosto, às 10:00. As irmãs farão votos de castidade, pobreza e obediência perante a Superiora Geral, Madre Miriam Janiec. Na celebração estarão presentes não apenas as irmãs, mas também padres, famílias, parentes e amigos. Este é um dos eventos mais importantes na vida das irmãs, da Congregação e da Igreja: os votos de união com Deus.